Este tutorial, feito em parceria com meu amigo Pedro Veríssimo, tem como único objetivo auxiliar na formação de profissionais de computação forense no entendimento de como se dá invasões desta natureza e de profissionais em segurança da informação, que possuem autorização tácita ou explicita para testar a vulnerabilidade em redes ou sistemas, sem a devida autorização há implicação legal definida no art. 154-A do código penal Brasileiro.

 

Curso de Computação Forense

PRÉ INSCRIÇÃO PARA UMA TURMA FUTURA

Grande oportunidade de aprender computação forense com o Presidente da Associação de Peritos em Computação Forense, o Professor Marcos Monteiro; este curso pretende abordar técnicas de investigação em meio digital, aspectos legais envolvidos, proporcionar formação prática em laboratório e assim desenvolver a habilidade do aluno para que, com sua expertise possa investigar crimes em mídias, memória RAM, sistemas  e serviços de rede, gerando laudos periciais para uso em processos judiciais ou investigações privadas.